TESTE DE PORTUGUÊS

Este Teste de Português online envolve cinco tópicos: gramáticaortografiaconcordânciaregência e vocabulário. Cada um deles apresenta um determinado número de questões, totalizando 40 perguntas com apenas uma resposta correta cada. Além disso, o teste contabilizará o que chamamos de “erros graves”, erros que, teoricamente, não deveriam ser cometidos. Apesar do teste servir como entretenimento, podemos dizer que é uma ferramenta interessante para avaliar o seu português, pois selecionamos os erros mais comuns de português na internet.

Como sabemos, qualquer um pode escrever algo na internet que pode ser lido por várias pessoas, seja usando blogs, fóruns ou redes sociais. Aliás, são nas redes sociais que encontramos constantemente coisas como “concerteza”, “menas” e outros mais. São erros que podemos considerar graves, pois o normal seria errar escrevendo “excessão”, escrever “conserto” no lugar de “concerto” ou errar a regência de um determinado verbo.

CLIQUE NO LINK:

http://www.testesdeqi.com.br/testes/idiomas/teste-de-portugues/

CONTO DE FADAS DO SÉCULO XXI

Luis Fernando Veríssimo, autor.

          Era uma vez… Numa terra muito distante… Uma princesa linda, independente e cheia de autoestima. Ela se deparou com uma rã enquanto contemplava a natureza e pensava em como o maravilhoso lago do seu castelo era relaxante e ecológico… Então, a rã pulou para o seu colo e disse:

          – Linda princesa, eu já fui um príncipe muito bonito. Uma bruxa má lançou-me um encanto e transformei-me nesta rã asquerosa. Um beijo teu, no entanto, há de me transformar de novo num belo príncipe e poderemos casar e constituir lar feliz no teu lindo castelo. A tua mãe poderia vir morar conosco e tu poderias preparar o meu jantar, lavar as minhas roupas, criar os nossos filhos e seríamos felizes para sempre…

           Naquela noite, enquanto saboreava pernas de rã sautée, acompanhadas de um cremoso molho acebolado e de um finíssimo vinho branco, a princesa sorria, pensando consigo mesma:

           – Eu, hein?… Nem morta!